Assine

Diarreia em felinos pode ter diferentes causas e tratamentos

Cada quadro do problema deve ser tratado de acordo com sua circunstância

Os veterinários reforçam e é, realmente, preciso ficar de olho a qualquer sinal de mal-estar que os gatos possam apresentar. A diarreia nessa espécie, por exemplo, pode ser causada por diversos fatores e, quando não diagnosticada e tratada corretamente, pode levar o animal ao óbito. 

diarreiagato
A reportagem está disponível na edição nº 228,
em revistacaesegatos.com.br (Foto: C&G VF)

A médica-veterinária e professora da Pontifícia Universidade Católica (PUC-MG, campus Poços de Caldas), Maria Alessandra Martins Del Barrio, conhecida como Malê, explica que a diarreia em gatos sempre tem uma causa. “Esta deve ser pesquisada e tratada, para evitar problemas adicionais e garantir um bom resultado final, pois uma diarreia mal curada pode levar a um distúrbio crônico, que, muitas vezes, pode ser incurável”, destaca. 

Vários exames devem ser realizados para descartar as doenças extraintestinais, segundo a veterinária. “É preciso começar com um exame de fezes completo, que é coproparasitológico, imunoensaios para pesquisa de vírus e Giardia spp, citologia fecal. Eventualmente, um direto de fezes, para pesquisa de Tritrichomonas foetus. Também podemos fazer a cultura das fezes se na citologia houver um número muito grande de leucócitos (glóbulos brancos)”, completa. 

Maria Alessandra explana que, quando um processo diarreico tem duração superior a três semanas, passa a se chamar diarreia crônica. “Essa, tende a acarretar em um quadro de desnutrição crônica, que compromete o organismo como um todo, porque nutrientes e energia param de entrar, prejudicando o funcionamento de todo o organismo”, expõe. 

Leia a reportagem completa na edição de agosto da C&G VF. Acesse já

Fonte: Redação Cães&Gatos VET FOOD. 

Seja o primeiro a comentar
Seu comentário foi enviado. Aguarde aprovação.
Erro ao enviar o comentário. Por favor, preencha o captcha e tente novamente.